quarta-feira, 4 de novembro de 2020

Candidata a vereadora é presa acusada de trocar votos por sexo

Uma candidata a vereadora da cidade de Presidente Dutra, no Maranhão, foi presa acusada de trocar votos de eleitores por sexo. Pensando em ser “eleita”, a candidata trocava votos por favores sexuais tanto para homens, como para mulheres que prometiam votar na candidata.
 
Segundo informações, a polícia civil já vinha investigando a candidata do “sexo”, há pelo mês um mês, após algumas pessoas denunciarem. Além de fazer sexo com seus possíveis eleitores, a candidata ainda filmava todo o ato sexual, como garantia de que os possíveis eleitores fossem votar nela.

Conforma a polícia a mulher teria feito sexo com mais de 250 pessoas, os vídeos gravados pela candidata estavam armazenados em seu aparelho de celular, que após ser vistoriado foram encontrados.

Na delegacia, a mulher negou que tenha tido relação com essas pessoas em troca de votos ou qualquer outro tipo de troca.

Meio Norte
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.