terça-feira, 1 de setembro de 2020

Vereador de Fortaleza revela que está afastado do trabalho para tratar de um câncer


O vereador de Fortaleza, Sargento Reginauro (Pros), anunciou pelas redes sociais, nesta segunda-feira (31), que o motivo de seu afastamento da Câmara Municipal são os exames que está fazendo para combater um linfoma. A doença, segundo ele revela no vídeo gravado, foi descoberta a menos de 30 dias, e que já realizou uma biopsia para prosseguir com o tratamento mais eficaz contra este tipo de câncer.
“Estou aqui pela primeira vez falando, sob autorização médica, ainda não liberado para trabalhar, mas liberado para falar com moderação. Justamente fiz questão de vir porque hoje é último dia do mês de agosto e agosto é o mês que foi estabelecido para a prevenção ao linfoma, o Agosto Verde. Linfoma é uma das várias modalidades de cânceres que têm afetado milhões de pessoas pelo mundo afora. Tem uma série de diversidades; estão classificados como linfoma de Khodgkin e linfoma não Hodgkin. O linfoma de Hodgkin é justamente aquele que afeta glândulas em algumas partes do corpo e, em específico, o que eu estou investigando nesse momento é o que está afetando a minha garganta. Estou precisando ter uma maior atenção a esse momento e precisarei fazer ainda alguns exames específicos para saber qual a gravidade do problema. Os médicos estão bem otimistas, que vai dar tudo certo e que vai acontecer realmente tudo dentro do controle, mas ainda não estou indo trabalhar e precisarei fazer algum tratamento específico, quando tivermos o último resultado de exame que deve sair nos próximos dias”, disse o vereador no vídeo.
No final, Sargento Reginauro diz que é fundamental que as pessoas vá ao médico periodicamente. “Portanto, procure sempre ir ao médico fazer exames periódicos, para saber como está sua saúde. Se Deus quiser, em breve, estarei de volta às ruas, trabalhando normalmente, usando a minha voz para poder representar àqueles que me escolheram como representante”, disse.

Saiba mais:

O linfoma é um tipo de câncer que ataca o sistema linfático e pode ser classificado como linfoma de Hodgkin e linfoma não Hodgkin. O linfoma não Hodgkin (LNH) é um tipo de câncer que tem origem nas células do sistema linfático e que se espalha de maneira não ordenada. Existem mais de 20 tipos diferentes de linfoma não-Hodgkin.
O sistema linfático faz parte do sistema imunológico, que ajuda o corpo a combater doenças. Como o tecido linfático é encontrado em todo o corpo, o linfoma pode começar em qualquer lugar. Pode ocorrer em crianças, adolescentes e adultos. De modo geral, o LNH torna-se mais comum à medida que as pessoas envelhecem.
Por razões ainda desconhecidas, o número de casos duplicou nos últimos 25 anos, principalmente entre pessoas com mais de 60 anos. Os homens são mais predispostos do que as mulheres.
Fonte: com informações da assessoria do parlamentar.
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.