quarta-feira, 30 de setembro de 2020

Acordo entre TSE e operadoras de internet garante acesso sem gastos ao site da Justiça Eleitoral

 

O site da Justiça Eleitoral vai poder ser acessado sem cobrança de internet até o próximo mês de novembro. Isso será possível devido a um acordo firmado, nesta terça-feira (29), entre o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e a Conexis Brasil Digital, representante oficial do setor de telecomunicações no Brasil. A parceria garante o chamado “zero rating”, dando acesso livre ao portal que concentra serviços ao eleitorado brasileiro.  

As principais empresas de telecomunicação colaboraram com o acordo, permitindo aos usuários acessar os conteúdos sem cobrança durante o período que cobre toda a campanha eleitoral, até depois do segundo turno das eleições deste ano. 

Para o presidente do TSE, ministro Luís Roberto Barroso, a disseminação de desinformação, sobretudo quando tenha como alvos o processo eleitoral e as instituições e autoridades responsáveis por sua condução, é capaz de produzir impactos negativos nas eleições e no funcionamento das instituições democráticas. 

“Essa parceria vai permitir que a população brasileira acesse gratuitamente o site da Justiça Eleitoral e obtenha informações verídicas, de fonte genuína, que nos permita enfrentar essa epidemia de notícias falsas”, ressaltou. 

O Tribunal Superior Eleitoral lançou, em agosto de 2019, o Programa de Enfrentamento à Desinformação com Foco nas Eleições 2020, que conta com mais de 50 parceiros, entre partidos políticos e entidades públicas e privadas. 

Fonte: DN
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.