quarta-feira, 24 de junho de 2020

Comissão mista do Congresso vai ouvir os governadores representantes dos consórcios regionais


A comissão mista de deputados e senadores que acompanha as ações do governo federal no enfrentamento à Covid-19 vai ouvir, nesta quinta-feira (25), os governadores representantes dos consórcios regionais.
Foram convidados para a audiência remota os governadores do Amapá, Waldez Góes (Consórcio Interestadual da Amazônia Brasileira); da Bahia, Rui Costa (Consórcio do Nordeste); de Mato Grosso, Mauro Mendes (Consórcio Interestadual de Desenvolvimento do Brasil Central) e de Minas Gerais, Romeu Zema (Consórcio de Integração Sul e Sudeste).
Os governadores devem apresentar um panorama geral dos impactos da pandemia nas suas regiões, os efeitos das medidas adotadas e as dificuldades encontradas por estados e municípios no enfrentamento da crise sanitária. Os governadores devem expor também as estratégias, no âmbito de cada consórcio, já adotadas ou que ainda serão executadas para o período de flexibilização das regras de isolamento social.
Consórcios regionais
Os consórcios regionais começaram a ser criados a partir de 2015 com o objetivo de enfrentar as dificuldades financeiras do período, quando a maioria dos estados enfrentava situação de calamidade fiscal.

Os grupos têm mais poder de negociação junto ao governo federal, pleiteiam redução de preços de fornecedores e se mobilizam para melhor gerir temas de interesse comum — como infraestrutura e logística.
Durante a crise causada pelo novo coronavírus, a atuação dos estados por meio dos consórcios tem buscado soluções conjuntas para minimizar os impactos econômicos e sociais provocados pela pandemia.
Fonte: Agência Câmara de Notícias
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.