segunda-feira, 4 de maio de 2020

Cientistas conseguem neutralizar novo coronavírus com anticorpo


Um anticorpo capaz de neutralizar o novo coronavírus foi descoberto por cientistas e pode contribuir para a criação de tratamentos e vacinas, informou a revista "Nature Communications". 

O estudo preliminar foi conduzido pela Universidade de Utrecht, do Erasmus Medical Center e do Harbor BioMed.
O 47D11, nome científico da molécula, foi capaz de neutralizar o Sars Cov-2 em células in vitro. Ainda não houve testes em humanos. 
Mais de 130 terapias estão em estudo contra a Covid-19, segundo a Federação Internacional de Fabricantes e Associações Farmacêuticas (IFPMA).
Os esforços de colaboração, sem precedentes na indústria farmacêutica, aceleraram de forma considerável a pesquisa de tratamentos seguros contra o novo coronavírus.
Balanço
A pandemia do novo coronavírus provocou pelo menos 249.372 mortes no mundo desde que apareceu em dezembro na China. Desde o começo da epidemia foram contabilizados 3.555.790 casos de contágio em 195 países e territórios.
O número de casos diagnosticados positivos só reflete, no entanto, parte da totalidade de contágios devido às políticas díspares adotadas pelos países para diagnosticar os casos, pois alguns só o fazem com pessoas hospitalizadas. As autoridades consideram que até agora pelo menos 1.088.900 tenham se curado da doença. 
Nas últimas 24 horas, foram registradas 3.511 novas mortes e 73.568 contágios no mundo. Os países com o registro do maior número de mortos são Estados Unidos, com 1.130 novos óbitos, França (306) e Reino Unido (288). 
O número de mortos nos Estados Unidos, que registraram sua primeira morte vinculada ao vírus no começo de fevereiro, chegou a 68.285. O país registrou 1.171.041 contágios. As autoridades estimam que 180.303 pessoas tenham se curado.

Fonte: DN
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.