terça-feira, 24 de março de 2020

Sensibilização da população e prevenção de contágio são focos de ações das prefeituras no Interior


Dos 184 municípios cearenses, cinco têm casos confirmados do novo coronavírus. Além de Fortaleza (151) e (6) Aquiraz na Região Metropolitana, Fortim (1), Juazeiro do Norte (1) e Sobral (3) já registraram diagnósticos positivos para Covid-19. No Interior, gestões municipais vêm tomando medidas para assegurar serviços básicos à população, sem deixar de reforçar a importância de que se respeite a quarentena.
Presidente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece), Nilson Diniz avalia que o maior dos desafios será "sensibilizar todos e fazer que as pessoas compreendam a importância de ficar em casa. Há uma mobilização nesse sentido", garante Diniz, que é prefeito do Cedro.
Prefeito de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra (PTB) garante que a grande maioria da população "assimilou a importância e está se comportando de forma ordeira, obedecendo toda orientação que vem do Ministério da Saúde e das secretarias do Estado e do Município, mas eventualmente surge alguma desobediência, nada que venha a atrapalhar".
Segundo Nilson Diniz, um dos focos de alerta das gestões deve ser a chegada de pessoas aos municípios. "Estão vindo muitos ônibus de São Paulo e Rio de Janeiro para cá e a gente precisa ter um controle. Temos que notificar essas pessoas, orientá-las, mas não é fácil, porque vêm de lá com a ideia de que aqui não tem nada", contextualiza o presidente da Aprece.
O prefeito de Juazeiro do Norte conta que uma situação do tipo ocorreu na cidade. "A gente tem um fluxo grande de ônibus, e dois chegaram ontem de São Paulo, tendo sido acompanhados no desembarque pela Secretaria de Saúde que deu as devidas orientações", informa.
Os cuidados, decerto, se estendem também para municípios que não contam com casos notificados. Em Guaramiranga, por exemplo, a campanha de vacinação contra a gripe começou hoje. "Nós montamos uma equipe e a vacina será aplicada nas residências, para evitar aglomerações", explica a prefeita Roberlândia Ferreira (PDT). "A população abraçou o decreto, não tivemos problemas", avalia a pedetista.
Um dos pontos críticos destacado por Nilson Diniz diz respeito ao funcionamento de bancos e casas lotéricas, que seguem de portas abertas. Em Guaramiranga, não há agência de nenhum banco, mas sim um caixa eletrônico de uso individual, que é higienizado constantemente para atendimento.
Já em Alto Santo, na mesorregião do Jaguaribe, a prefeita Íris Gadelha (PSB) afirma que os bancos estarão abertos, mas o município seguirá medidas para evitar aglomerações. "Será permitida, por exemplo, a entrada de somente dois usuários por vezes na agência", destaca.
Alto Santo tem uma maioria de moradores da zona rural entre os 17 mil habitantes do município. "A ação de conscientização e saúde depende muito de agentes comunitários e da assistência social", afirma Íris. Entre as ações tomadas pela gestão, estão a distribuição de cartilha que orienta processos de higienização para crianças e famílias, a exibição de aulas de balé e declamação de poesia por meio remoto nas redes sociais da Prefeitura e a entrega de remédios para hipertensos e cardiopatas nas residências. "Alto Santo não tem casos, mas há suspeitos em cidades próximas, então estamos de olho", afirma a prefeita.
O uso da Internet é citado como um importante aliado à conscientização e divulgação de informações. "A rede social tem sido um instrumento muito bom e a imprensa também tem dado uma colaboração extraordinária", reconhece Arnon Bezerra. "Não podemos extrapolar na conscientização com medidas enérgicas como utilização da polícia, mas precisamos colocar todas as nossas armas de argumentos, como carros de som, rádio, mídias sociais, envolver lideranças locais. Fizemos solicitação pedindo para que cada promotor de cada comarca do Ministério Público possa gravar um vídeo sensibilizando a população a ficar em casa. Quanto mais os poderes constituídos possam fazer isso, mais pessoas serão sensibilizadas", ressalta Nilson Diniz.
Fonte: O Povo
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.