quinta-feira, 15 de agosto de 2019

Guanabara celebra um ano do projeto Expresso Musical, em Brasília


Tal qual o projeto Caminhos Musicais, com a filarmônica Estrelas da Serra de Croatá (CE), jovens de Ceilândia (DF) difundem a cultura brasileira com a orquestra de sopros e percussão Arte Jovem, levando música de qualidade para diversas localidades do país, através do projeto Expresso Musical. A iniciativa da Guanabara completou um ano de atuação e, na última sexta-feira (8), festejou a data com apresentação no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB) de Brasília, sob a regência do maestro e pianista João Carlos Martins, que se apresentou logo em seguida. O evento marcou a abertura do 3º Festival de Cinema do CCBB.

Lançado em 2018, o projeto percorre o Brasil com apresentações gratuitas da orquestra, especialmente nas principais cidades do Centro-Oeste. A orquestra tem à frente o maestro Edmilson Júnior e é formada por jovens de várias idades, com um repertório que envolve todas as gerações através da interpretação de grandes sucessos.
A iniciativa proporciona o acesso à música de qualidade e a formação de plateias na área de atuação da Guanabara, ampliando a relação com a população local, além de fomentar a arte e dar sustentabilidade a um projeto social que tem impacto direto na vida dos participantes e suas famílias.
Ceilândia é a maior cidade-satélite de Brasília e onde há a maior concentração de nordestinos na região. Com o intuito de ressaltar sua atuação na região Centro-Oeste, reforçando seus fortes laços com o Nordeste, a Guanabara viu na orquestra Arte Jovem uma boa oportunidade para replicar a bem-sucedida iniciativa do Ceará, com o Caminhos Musicais Guanabara.
Tanto Expresso Musical, quanto Caminhos Musicais Guanabara ganham reconhecimento e alcance nacional, através do projeto “Orquestrando o Brasil”, idealizado pelo maestro João Carlos Martins e realizado em parceria com a Fundação Banco do Brasil, SESI e FIESP. O “Orquestrando o Brasil” é uma plataforma digital para disseminação de conteúdo, oferecendo capacitação para regentes e músicos, além de ser uma ferramenta para a troca de conhecimento. O portal visa construir uma relação permanente e online de suporte e informação. A plataforma dá apoio para que, a partir dos recursos humanos e físicos de cada comunidade, os envolvidos possam liderar um movimento de expansão ou consolidação da música local. Um canal de comunicação, informação e interação, que tem o objetivo de unir os músicos.
Expresso Musical
Através do Expresso Musical, a Guanabara doou uniforme e instrumentos musicais à orquestra, além de disponibilizar transporte para as apresentações em Brasília, cidades-satélites e outras cidades da região. A empresa patrocina ainda o trabalho social desenvolvido pelo maestro Edmilson Júnior, que beneficia cerca de 200 crianças e jovens com uma escola de música na Casa do Cantador, em Ceilândia. Lá, os alunos são formados em diversos instrumentos de corda, sopro e percussão. O objetivo do projeto é ressocializar, por meio da música, crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social.
Fonte: Focus
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.