terça-feira, 23 de julho de 2019

Primeiro saque do FGTS limitado a R$ 500


A liberação do primeiro saque do FGTS das contas ativas e inativas deve ser restrito ao valor de R$ 500. A medida deve prever a opção de retiradas anuais na conda do fundo na data de aniversário do trabalhador. O primeiro saque deve ocorrer em setembro. A informação é do secretário especial de Fazenda, Waldery Rodrigues.
Pressionado pela construção civil, o Governo mudou a regra de escalonamento. Na primeira ideia, os saques variavam de 10% a 35% dependendo do valor depositado na conta do trabalhador. O setor temia que o fundo – responsável por financiar programas habitacionais e de saneamento básico esvaziasse.
“Nossas medidas não contemplam apenas o lado da demanda, mas da oferta. Esse é um ponto que a gente entende ser a solução para a economia brasileira. Medidas para o FGTS que ajudam recursos com trabalhadores com remuneração aquém do devido. Vale ressaltar que o financiamento para a construção civil, o saneamento e infraestrutura não será afetado, até porque são setores que respondem fortemente na contratação e na demissão. A diretriz é a melhoria no acesso dos recursos pelos trabalhadores”, explicou Rodrigues.
Fonte: Focus 
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.