terça-feira, 2 de julho de 2019

Acerca de aliança PSDB-PDT em 2020, Tasso diz: “Tudo pode acontecer”


Ao ser perguntado por jornalistas se a visível quebra de gelo e aproximação com o grupo político dos Ferreira Gomes poderia redundar em uma aliança eleitoral em 2020, o senador Tasso Jereissati se saiu de forma muito objetiva: “Tudo pode acontecer. Tudo pode acontecer. Desde que haja convergência de projetos e de ideias, possível”.
Quando um político fala que “tudo pode acontecer” acerca de alianças, sinaliza que está aberto à possibilidade. A reaproximação entre Tasso e os Ferreira Gomes começou pouco tempo depois das eleições de 2018. Durante o Focus Summit, em novembro passado, Cid Gomes defendeu publicamente o nome de Tasso pra presidir o Senado. O ato marcou a quebra de gelo entre os grupos.
A declaração de Tasso aconteceu logo após o evento organizado pela Prefeitura de Fortaleza (veja a foto) para lançar um conjunto de obras de infraestrutura na Capital. Os recursos, superiores aos R$ 500 milhões, foram frutos de empréstimos internacionais. No Senado, Tasso teve papel importante tanto para apresentar a tramitação quanto para articular a aprovação da demanda de interesse de Fortaleza.
Acerca da aproximação política com os Ferreira Gomes, o tucano preferiu tratar como algo, no momento, vinculado a assuntos puramente administrativos”. “Quando interesse do Ceará está em jogo, nós cearenses, seja de que partido ou ideologia for, estamos unidos”, falou.
Fonte: Focus
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.