sexta-feira, 17 de maio de 2019

Barragem Jatobá de Ipueiras é o 35º a sangrar em 2019


Na noite desta quinta-feira (16), as chuvas fizeram com que a barragem Jatobá, em Ipueiras, atingisse seu volume máximo e começasse a “sangrar” pela primeira vez na história. Com 100% do volume total, a barragem Jatobá é o 35º a sangrar no Estado do Ceará.

A barragem construída em 2012, na segunda gestão do prefeito Nenem do Cazuza, tem capacidade para 6,24 milhões de metros cúbicos de água, sendo alimentada pelo Riacho Jatobá, da Bacia do Acaraú, beneficiando mais de 38 mil habitantes do município. A parede do açude é de 22 metros e a sua extensão 762,15 metros, com largura de seis metros. Na época, a obra foi orçada em R$ 28.103,225,29 numa parceria do Banco Mundial e Governo do Estado.

O prefeito Nenem do Cazuza, acompanhado da primeira-dama Ana Tereza e sua comitiva, estiveram na manhã desta sexta-feira (17), visitando a barragem Jatobá e a estação de tratamento de água. Na ocasião, Nenem aproveitou o momento para tomar banho no sangradouro do açude, conversou com populares e agradeceu ao Senador Cid Gomes pela obra. Na época, Cid era governador do Ceará. Com a parceria, o prefeito Nenem do Cazuza conseguiu mais de R$ 100 milhões em investimentos para Ipueiras em suas duas primeiras gestões.


O aporte nos açudes do Ceará em 2019 já soma 2,49 bilhões de metros cúbicos (m³). Neste último mês da quadra chuvosa, o número já ultrapassa a quantidade de recarga registrada nos reservatórios em todo o ano de 2018. De acordo com dados da Companhia de gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), o volume é o maior dos últimos nove anos, não superando o valor de 2011 (7,84 bilhões de m³).

Confira o vídeo:



Carlos Moreira

Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.