segunda-feira, 19 de julho de 2010

Ceará - Cid tem 47% e Lúcio 26% no Datafolha



Pesquisa O POVO/Datafolha mostra que a campanha começa tendo na liderança os mesmos dois candidatos que polarizaram a disputa de quatro anos atrás. Estreante na disputa pelo Executivo
estadual, Marcos Cals tem 7%

A primeira pesquisa sobre as eleições deste ano no Ceará feita após a definição dos candidatos mostra que, no atual cenário, o governador Cid Gomes (PSB) seria reeleito no primeiro turno.

A pesquisa do instituto Datafolha, contratada pelo Grupo de Comunicação O POVO, foi realizada nos últimos dias 14 e 15, nono e décimo dias de campanha eleitoral permitida por lei. O primeiro turno das eleições será no dia 3 de outubro.

A pesquisa O POVO/Datafolha mostra Cid Gomes com 47% das intenções de voto, enquanto os adversários, somados, aparecem com 36% na pesquisa estimulada.

Para vencer no primeiro turno, um candidato precisa ter mais votos que a soma dos adversários, ou seja, mais da metade dos votos válidos. E Cid aparece com 56% dos votos válidos – percentual obtido por ele quando são desconsiderados votos brancos, nulos, aqueles que dizem não votar em nenhum e os que não sabem em quem votar.

A principal ameaça à reeleição do atual governador, segundo a pesquisa, é o ex-governador Lúcio Alcântara (PR), justamente o homem que, há quatro anos, perdeu a chance de se reeleger ao ser derrotado por Cid. Ele aparece com 26% das intenções de voto – 31% quando se consideram só os votos válidos. O candidato apoiado pelo senador Tasso Jereissati, Marcos Cals (PSDB), obteve 7% das intenções de voto.

Francisco Gonzaga (PSTU) aparece com 2%, enquanto Soraya Tupinambá (Psol) tem 1%. Marcelo Silva (PV) e Maria da Natividade (PCB) foram citados, mas não atingiram 1% das menções.

A pesquisa O POVO/Datafolha ouviu 912 eleitores de 40 municípios do Ceará, entre os dias 14 e 15 de julho. A margem de erro para o total da amostra é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

Publicado originalmente no Blog do Ricardo Noblat
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.