terça-feira, 14 de outubro de 2008

Na ágora, o agora! - Por Marcondes Rosa de Sousa / Fortaleza

No Grupo Ethos-padéia, em que, na Web, discutimos educação (social e escolar), lançamos: a) o artigo "Na urna, nosso futuro", sobre a campanha eleitoral em Fortaleza e em torno da frase "somos a quinta em população, no País, e não nos demos conta de que já entramos no Séc. XXI); b) o movimento "Fora a Política", daqui lançado sob a liderança das "Vendedoras de Sonhos".

Escritora amiga dá o tom: "Para quem acredita nas urnas eletrônicas, Papai Noel e duendes, o artigo está lindo." Daí, as reações de "apatia e (...) sintoma do descaso com a vida política (...) Vou votar, para vereador, num catador de papelão do bairro onde moro, que presta serviço útil e parece ético" (professor universitário no sul do País).E, nessa linha, as reações positivas ao "Fora a política: "Difícil porque ficamos com as palavras e eles com a força, a imposição do terror e da fome como formas de constrangimento para nos estorquir os direitos elementares.Por isso, apóio o movimento Fora a Política, pois assim, quem sabe, poderão ouvir que eles não nos agradam, não nos servem" - diz-nos professora no Rio.

"A causa - conclui o "Fora a política" - não foi a avidez dos especuladores, mas a incapacidade de o capital mobilizar trabalho humano"(...)e o reverso foi desemprego em massa, sub-emprego e baixos salários". Daí o sonho inalcançado desde a Revolução Francesa, o marxismo e a social-democracia, o que levaria professor, no extremo sul do País a optar:"Eu continuo perseguindo o sonho de uma sociedade sem governos, sem partidos políticos, sem ideologias, sem classes (...)"

É nos municípios que moramos, já se disse. E é, justo neles, que o futuro nos chega com atraso: o agora a nos desafiar, no democrático chão de nossas ágoras, num dilema entre os sonhos e a ação.Fique-nos, pois, a reflexão!

Texto publicado originalmente no jornal O Povo, de Fortaleza.

Marcondes Rosa de Sousa é professor da Universidade Federal do Ceará (UFC) e da Universidade Estadual do Ceará (UECE).
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.