terça-feira, 19 de dezembro de 2006

Lei do Silêncio - Por Marcondes Rosa de Sousa / Fortaleza

Madrugada. Imposto-me de paciências, ante o temor de, cardíaco, voltar à UTI. E driblo o sono, prescrito por médicos, ante os decibéis da vizinhança. Disque silêncio? Farsa! Na Web, jurista adverte-nos. Não se cumpre. Mas não coisa de agora. Antes de Cristo, na velha Roma, os césares prescreviam: carros de rodas não podiam entrar na cidade. E poeta irônico clamava, séculos depois, contra a velha Roma a lhe ferir, na cama, os ouvidos. Na vetusta Inglaterra, um século após Cristo, Elizabeth I chegou a proibir, para não incomodar os vizinhos, que os maridos, de 10 da noite ao amanhecer, batessem nas mulheres... Somos farisaicos e cartoriais. Leis, as temos: de condomínio e do novo código civil. Mas investimos, de forma caricata, no "ócio produtivo", o turismo como negócio. Isso, à moda tailandesa, que os jovens, mais diretos, traduzem: "no dueto entre gringos e prostitutas". Veja em aeroportos, restaurantes, praias, boates, buffets em tempo integral (full time). Iracema e iracemas a se tornar, de guias, em mercadorias. Sopram novos ventos. Cidadãos, não seremos incomodados a nos retirar. Novo tempo: a vida em novos padrões éticos e estéticos. E os eleitos o foram por essas aragens. De Cid Gomes, sei do tato e do ouvir. De Luizianne, testemunhei sempre dignidades. Ciro Gomes e João Alfredo, conheço-os alunos na UFC. De João, guardo versos que dele recebi nas eleições:"Levo na alma as dores e angústias de nosso povo sofrido. Meu coração carrega palavras vivas, prenhes de crença e esperança. Colho propostas e anseios. Semeio versos, flores, projetos. Sou rio caudaloso a receber sonhos e pelejas que deságuam no mar grande de nossa utopia maior". Que tais águas engrossem o "mar grande da utopia maior" de todos nós. Foi a esperança que depositamos na urna eletrônica! *PC*

Texto publicado originalmente no jornal O Povo, de Fortaleza.

Marcondes Rosa de Sousa é professor da Universidade Federal do Ceará (UFC) e da Universidade Estadual do Ceará (UECE).
Postagem anterior
Próximo Post

Postado por:

0 comentários:

As opiniões expressas aqui não reflete a opinião do Blog Primeira Coluna.